INTRODUÇÃO

A Saúde do Homem envolve diversas condições como incontinência, disfunção sexual e dor pélvica crónica, entre outras. Mais de 40% da população masculina reporta problemas a esses níveis, e o papel da Fisioterapia é cada vez mais reconhecido, quer no campo clínico, quer ao nível de investigação.

O Fisioterapeuta, integrado em equipas multidisciplinares, desempenha um papel essencial na prevenção e tratamento de condições que afetam a saúde pélvica do homem e consequentemente a sua qualidade de vida. No nosso país, esta área tem sido pouco explorada, contudo as necessidades têm aumentado e, consequentemente, a procura por profissionais especializados nesta área tem vindo a ser, também, crescente.

Neste sentido, o Curso de Fisioterapia na Saúde do Homem foi desenvolvido para preparar o Fisioterapeuta a adquirir bases sólidas que lhe permitirão intervir nesta área em evidente expansão.

CORPO DOCENTE

 

 

ANDREIA ANTUNES

  • Licenciada em Fisioterapia pela Escola Superior de Saúde do Vale do Sousa.

  • Pós-Graduada em Fisioterapia na Saúde da Mulher pela Escola Superior de Saúde do Alcoitão e em Sexologia pela Sociedade Portuguesa de Sexologia Clínica.

  • Grau de Especialização em Saúde Pública pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto.

  • Título de Especialista na Área de Fisioterapia pela Escola Superior de Saúde do Alcoitão e do Instituto Politécnico do Porto.

  • Prática Clínica exclusiva na área da Saúde da Mulher e do Pavimento Pélvico desde 2003 com intervenções preventivas e de tratamento em mulheres durante a gravidez, pós-parto e menopausa e mulheres e homens com disfunções urinárias, ano-rectais, sexuais e síndromes de dor pélvica.

  • Prática Clínica no tratamento de disfunções sexuais em equipa multidisciplinar com Terapia Sexual/Sexologia desde 2009.

  • Realizou no âmbito da sua formação diversos cursos e estágios na área específica da Saúde da Mulher e das Disfunções do Pavimento Pélvico.

  • Prática Privada exclusiva na área da Saúde da Mulher e Pavimento Pélvico no Porto e Lisboa. 

INÊS VALENTE

  • Licenciada em Fisioterapia pela Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de  Setúbal.

  • Pós-graduada em Fisioterapia na Saúde da Mulher pela Escola Superior de Saúde de Alcoitão.

  • Formação em Incontinência Urinária Feminina com Loic Dabbadie e em Fisioterapia Perineal Feminina e Masculina pela CRF-Amostegui Rehabilitación, Bilbao (Espanha).

  • Formação em Nascimento Fisiológico com a Dra. Bernadette de Gasquet.

  • Exerce a sua actividade em prática privada, na área das disfunções do pavimento pélvico - uroginecológicas, uroandrológicas, coloproctológicas e sexuais.

OBJETIVOS

O objectivo deste curso é dotar os formando de conhecimentos que permitam avaliar e intervir em Disfunções do Pavimento Pélvico masculino, com base em conhecimento atual e baseado em evidência científica.

No final do curso, os formandos terão desenvolvido:

  • Conhecimento da anatomia e neurofisiologia urinária, sexual e ano-rectal no homem;

  • Conhecimento sobre a biomecânica abdomino-pélvica do homem;

  • Conhecimento sobre as disfunções do pavimento pélvico no homem – urinárias, sexuais e ano-rectais;

  • Conhecimentos sobre os fatores de risco para as disfunções do pavimento pélvico;

  • Conhecimento sobre as implicações das cirurgias uro-andrológicas e ano-rectais nas disfunções do pavimento pélvico;

  • Conhecimento sobre a dor pélvica e as alterações anatómicas/deformações penianas;

  • Capacidade de avaliar subjetiva e fisicamente a função/disfunção do pavimento pélvico;

  • Conhecimento das estratégias de intervenção da fisioterapia para tratamento das disfunções do pavimento pélvico baseadas em evidência científica e clínica;

  • Capacidade de resolver diversos casos clínicos.

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

  • Anatomia funcional da pélvis e pavimento pélvico do homem;

  • Neurofisiologia da função urinária, sexual e ano-rectal;

  • Biomecânica abdomino-pélvica;

  • Avaliação e intervenção em disfunções urinárias, sexuais e ano-rectais;

  • Avaliação e intervenção em dor Pélvica;

  • Alterações anatómicas/deformações penianas;

  • Cirurgias uro-andrológicas e ano-rectais;

  • Avaliação da função do pavimento pélvico;

  • Estratégias de intervenção baseada na evidência;

  • Estudos de caso;

  • Evidência científica.

DATAS E HORÁRIOS

 

05, 06 e 07 de março de 2021 

09h às 18h

DESTINATÁRIOS

 

Fisioterapeutas

VAGAS

 

24 vagas

LOCAL

Centro de Formação da Formaterapia | Grande Porto

Rua Almeida Garrett, 271

4480-725 Vila do Conde

INVESTIMENTO

 

285€* 

Inclui manual do curso, certificado DGERT e coffee breaks

Pagamento de 100% no ato da inscrição ou em duas prestações de 50%: a primeira aquando da inscrição e a segunda até uma semana antes da data de realização do curso. No caso de pretender sugerir um plano de pagamento alternativo, envie-nos um email para info@formaterapia.com.

*Desconto de 10% para grupos de 5 ou mais inscrições.

 

NOTAS 

 

  • O critério de seleção dos candidatos é a ordem de receção das inscrições.

  • A sua inscrição só será válida se nos enviar o comprovativo de pagamento e a cédula profissional/diploma de curso.

  • No caso de desistência, o valor pago apenas será reembolsado no caso da vaga ser preenchida.

  • A Formaterapia reserva-se o direito de cancelar o curso no caso de não obter um número mínimo de inscrições.

  • A realização do curso será confirmada na semana seguinte à do termo do prazo de inscrições.

Dado o clima de instabilidade criado pela pandemia de Covid-19, a realização do curso dependerá, também, de:

  • Alterações das recomendações legais em Portugal (Direção Geral de Saúde, Direção Geral do Emprego e Relações do Trabalho ou outras) e no país de residência do(a) formador(a);

  • Motivos de força maior (cancelamento de voos ou doença do(a) formador(a), por exemplo).

Haverá a possibilidade de o curso ter que ser lecionado em regime de B-Learning, com componente online e presencial, de acordo com a legislação vigente na altura da realização do curso. 

Poderá haver alterações de horário, em função da legislação vigente na altura da realização do curso. 

Desaconselhamos a reserva de alojamento ou viagens sem possibilidade de reembolso. 

No caso de o curso ser reagendado, e de o aluno não demonstrar disponibilidade em frequentar o curso nas novas datas, o formando poderá optar por frequentar uma edição posterior do curso, manter o crédito para outra formação à sua escolha ou solicitar o reembolso total do montante pago. 

Política de Privacidade

Termos e Condições

Regulamento de Formação